segunda-feira, 5 de junho de 2017

Projeto Profissões incentiva alunos da escola Aurora

     Qual profissão seguir? Que disciplina cursar na faculdade? Essas são apenas algumas das dúvidas de estudantes que estão no 9º ano, prestes a iniciar o Ensino Médio e, consequentemente, “quebram a cabeça” pensando qual caminho seguir no Ensino Superior e definir uma profissão para a vida. Pensando nisso que a professora de Língua Portuguesa, Arlete Berti Raschke, desenvolveu o Projeto Profissões com os alunos do 9º ano da Escola Municipal de Educação Básica Professora Aurora Siqueira Jablonski.
     O objetivo, segundo a professora, é proporcionar aos estudantes uma oportunidade de conhecer profissionais de diversas áreas de atuação, para que possam escolher qual profissão seguir. “Este é um momento em que os alunos chegam com muitas dúvidas prestes a entrar para o Ensino Médio. E é muito importante que já tenham uma noção do que eles querem para eles no futuro”, comentou.
“Nós fizemos um levantamento em sala de aula sobre quais as profissões que eles gostariam de seguir. Então trouxemos e ainda vamos trazer para a escola, profissionais das áreas que eles escolheram seguir”, explicou Arlete. Conforme a docente, o projeto tem esse objetivo, esclarecer dúvidas dos estudantes sobre as profissões.
     Já palestraram aos alunos, a socióloga Lara Batista, o professor Luciano Alves, o advogado Cleverson Vellasques e nesta quarta-feira (24), foi a vez da cirurgiã dentista Caroline Aparecida de Camargo, que estudou no Aurora até 2005. Recém-formada (2017) em Odontologia pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), Carol contou sobre suas experiências, as dificuldades e as possibilidades de cursar uma universidade pública. Sobre as chances de se conseguir bolsas de auxílio estudantil e conquistar os objetivos.
     A Escola Aurora, através da diretora Camila Mulbauer, agradece a participação de todos os profissionais que já palestraram aos alunos do Projeto, que por sinal, também estudaram na escola. “Para nós é uma grande satisfação receber ex-alunos que hoje seguem uma profissão e podem passar um pouco de sua experiência para nossos estudantes. É um sentimento de gratidão”, concluiu a diretora Camila.
     O Projeto Profissões da professora Arlete deve receber mais profissionais nas próximas semanas e, no mês de novembro, realizará a Feira das Profissões. “Será uma oportunidade para que os alunos façam uma exposição de qual profissão eles optaram seguir através deste projeto, expondo as experiências que adquiram com o que foi apresentado”, finalizou.




Nenhum comentário:

Postar um comentário