sexta-feira, 30 de junho de 2017

Alunos da Radio Escola da EMEB Pedro Henrique conhecem a redação do jornal Perfil e as Rádios Vitrine e Energia

Na manhã e na tarde do dia 28, os alunos da Oficina de Radio Escola. visitam a redação do Jornal Perfil. Acompanhados pela Monitora de Informática e Coordenadora do Projeto, Lisane Ritzmann; pelo chefe da divisão de promoções e eventos da Prefeitura e tuto do projeto Jardes Adamyk, e pela professora Isabel Cristina de Souza.



Primeiramente os alunos conheceram as dependências do jornal e conversaram com o Diretor João Paulo Ferreira, que contou, brevemente, a história do diário e apresentou um vídeo institucional as crianças.


Depois conversaram com a editora do Jornal, Pâmela Ritzmann, e com os repórteres Edson Luiz Pscheidt Junior e Pricila Pires da Maia, que comentaram sobre a rotina de produção das matérias, de revisão e diagramação, até o envio das páginas para a gráfica.



Eles também tiveram acesso ao arquivo das edições do jornal, desde o ano de 1996.


Depois, os alunos foram levados ao Studio de gravação da TV Web Perfil, onde participaram da gravação de um vídeo abordando detalhes sobre o projeto, que será publicado em breve, no Facebook e no youtube do jornal.



Projeto Rádio Escola

O Projeto envolve alunos dos dois turnos que estão recebendo orientações sobre oratória, dicção, entonação, postura e apresentação em público. "Esse projeto vai ser um interativo para as crianças, com bases na musicalidade, com base nos recados repassados pela diretoria da Escola eles irão aprender mais sobre o cotidiano das rádios", frisou Jardes. "Diariamente os alunos utilizarão, na hora do recreio, os equipamentos sonoros da escola, com técnicas e conhecimentos adquiridos no curso e tornarão o intervalo mais atrativo, com músicas, informação e descontração", completa.


Recentemente, para conhecerem mais a fundo o dia a dia de uma rádio, os alunos da escola, acompanhados pelo tutor Jardes , também visitaram as emissora FM de Rio Negrinho: Vitrine e Energia. No local tiveram contato com o estúdio e com os locutores.




No segundo semestre estaremos colocando em prática, um trabalho interno de rádio escola no recreio.
Em relação aos equipamentos a Coordenadora Lisane afirma pedir apoio de um projeto do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescentes (CMDCA). É um projeto que a escola já foi contempladas por dois anos. Com esse dinheiro, queremos adquirir esses equipamentos, mas já temos uma mesa de som antiga, microfones que não são adequados, mas já podemos começar com a Rádio-Escola com os equipamentos que temos.
Por trás o projeto te uma proposta pedagógica para que auxilie no aprendizado dos alunos. "Avaliamos a inserção da rádio na escola, trazendo uma melhoria na alfabetização das crianças, também na qualidade da leitura e na perda da vergonha de falar em público, trazendo um ambiente mais gostoso e propícios para a escola", finaliza Jardes


Pizza Maluca

​Os alunos do 3º e 4º ano juntamente com o Professor Adrianoda escola EMEBI Padre Doutor Tomas Gasser, no dia 29/06 estiveram uma TARDE DELICIOSA, onde foi produzida a PIZZA MALUCA.
Esta atividade teve como objetivo trabalhar a leitura e interpretação do texto receita “Pizza Maluca” e propor um momento de integração entre as duas turmas.
Sendo assim, o trabalho com gênero foi sendo tecido passo a passo, registro de texto, leitura individual e coletiva, interpretação oral e escrita e para frisar a compreensão do texto foi realizada a aula pratica com a confecção da “Pizza Maluca”, onde os alunos trouxeram os ingredientes necessários.
O momento além de ser descontraído desde o inicio da atividade se percebeu as turmas com brilho no olhar e se sentindo muito feliz por ter realizado uma atividade pratica.













Semana Nacional do Ensino da Música

O CMEI Algodão Doce participou de um projeto de “musicalização”, desenvolvido por meio da linguagem de sinais (libras). O Projeto, desenvolvido pela professora de libras Andrea Gonçalves com o auxílio da direção escolar e demais professoras do CMEI, foi inscrito para participar da Semana Nacional do Ensino da Música, a nível nacional. Esse projeto iniciou no Reino Unido, e está tendo sua 3ª edição no Brasil. O objetivo é que professores doem uma aula a pessoas que nunca tiveram uma aula de música. Dia 21 de junho é comemorado no Brasil o “Dia Nacional do Ensino da Música”. O projeto do CMEI Algodão Doce foi selecionado, deixando profissionais e alunos bastante empolgados. A ideia surgiu através do trabalho que já vem sendo desenvolvido pela professora Andrea com o aluno Cristofer Diovan Vieira, do Pré 1 matutino, que é portador de deficiência auditiva. A sintonia da professora e do aluno é tanta, que contagiou todo o CMEI, despertando o interesse e interação de todos com a linguagem de sinais. Sendo assim, no dia 23/06 houve a apresentação do projeto no CMEI, onde contamos com a valorosa participação da Escola de Música Valdeci Maia, que fez o acompanhamento das músicas ensaiadas. Ao som de “Cai cai balão”, “Dona aranha” entre outras canções infantis, professoras e alunos cantaram as músicas em libras. Se fizeram presentes o professor de violão Leandro Araujo e o diretor da escola de música Carlos Fernando Schier Junior. Agradecemos a professora Andrea, a Escola de Música Valdeci Maia, ao diretor Carlos e ao professor Leandro pela presença e participação, bem como as demais professoras e assessoras do CMEI, que fizeram da nossa apresentação um grande sucesso!





Passe Livre para os Alunos da APAAC

A Inclusão se efetiva com ações de direitos, compreensão, respeito e cidadania, nessas ações a Diretora do Departamento de Educação Especial, da Secretaria Municipal de Educação, Cristiane Vaz, buscou atender os alunos da APAAC – Associação de Pais e Amigos da Audiocomunição, permitindo a garantia da acessibilidade ao transporte coletivo. Em contato com a empresa Transtusa, representada na pessoa do Sr. José Arlex, que prontamente atendeu a Secretaria e o Departamento de Educação Especial, efetivando mais um direito para os alunos da Apaac, que desde o dia 27 de Junho tem sua carteirinha de acesso livre no transporte de Rio Negrinho, garantindo-se assim o Capítulo X, artigo 46 da Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência. A entrega das mesmas foram efetuadas na última quinta feira 29 de Junho pelo Senhor Roberto Albuquerque vice prefeito e pelo Sr. José Arlex Costa gerente da empresa Transtusa de Rio Negrinho, garantindo dos direitos da pessoa com deficiência.


segunda-feira, 26 de junho de 2017

Alfabeto Móvel

     Os alunos do CMEI Chapeuzinho Vermelho do Maternal, Nível I e II, realizaram a atividade do alfabeto móvel onde o objetivo é reconhecer as letrinhas do seu nome e dos colegas.
     Encantados com o colorido das letras e com as novas descobertas, a atividade tomam-se muito prazerosas.







sexta-feira, 23 de junho de 2017

Alunos do 8º ano do Aurora resgatam contação de histórias

     Contos infantis envolvendo animais, bruxas, príncipes e princesas, reis e rainhas estão entre as apresentações de alunos do 8º ano da Escola Professora Aurora Siqueira Jablonski, através do Projeto de Contação de Histórias “E Lá vem História”, da professora de Língua Portuguesa, Arlete Berti Raschke. Ao todo, 14 grupos foram formados das três turmas do 8º ano para as apresentações.
     Além da Contação de Histórias, o Grêmio Estudantil concluiu o projeto da Geladeira Literária, com o objetivo de incentivar a leitura na escola. A diretora da Escola, Camila Mulbauer, destaca que os momentos de contação de história ocorrem durante todo o dia, uma vez por semana. Na manhã desta quarta-feira, por exemplo, participaram alunos do CMEI Tempo Feliz. À tarde, as apresentações foram voltadas para os próprios alunos do Aurora. “O projeto foi muito bem aceito pelos alunos e está tendo um resultado maravilhoso. Cada aluno que veio assistir trouxe um livrinho para a nossa Geladeira Literária, contribuindo para a leitura durante o recreio”, disse Camila. A Escola Aurora pede a toda comunidade para que doe livros infantis que não utiliza mais para a Geladeira Literária, incentivando a leitura na escola.
     Segundo a diretora Camila, na próxima semana, dia 30, acontecerá o Fashion Day, projeto também trabalhado com alunos do 8º ano, mas que envolve todas as turmas da Escola. Serão apresentações de músicas de épocas com o objetivo de desenvolver a disciplina de inglês.



Texturas no CAE Elias Graboski

     Esta semana no CAE Professor Elias Graboski, a estagiária Alana Maros de Lima oportunizou aos alunos que trabalhassem com uma imensa variedade de materiais, texturas, formas e cores, enriquecendo a aula e as atividades com a diversidade dos materiais alternativos oferecidos, tendo como resultado um Lindo trabalho.
     O objetivo da mesma foi apresentar aos alunos as diferenças entre algo bidimensional e tridimensional, realizar as representações bi e tridimensionais com diferentes materiais e técnicas, expressando-se de forma criativa e também desenvolver a observação com o intuito de criar a partir dos materiais existentes.









quarta-feira, 21 de junho de 2017

Semana da Higiene Pessoal

     A Professora Rosangela Kondlatsch e a Assessora de Docência Luana L. de Souza , realizaram com os alunos do Nível II uma semana voltada à conscientização da importância da higiene pessoal, inclusive com uma aula especial de higiene bucal , ministrada pelo dentista Luis Fernando Turino e sua Assessora Zaira Goscinski , onde todos os alunos do CMEI aprenderam a forma correta de escovação e o uso correto do fio dental, além da importância da higiene bucal.
     Nosso especial agradecimento aos profissionais que dispuseram seu tempo nesse importante projeto e a todos que de qualquer forma colaboraram para sua realização.