terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Calendário de Encontros CONSEG 2018

MÊS / DIA
BAIRRO/LOCALIDADE
JAN
RECESSO
FEV 22
BAIRRO: DISTRITO V. GRANDE
LOCAL: SALÃO DA IGREJA
MAR 22
BAIRRO: SÃO PEDRO - QUITANDINHA
LOCAL: ESCOLA FREDERICO
ABR 26
BAIRRO: VISTA ALEGRE
LOCAL: ESCOLA LUCINDA
MAI 24
BAIRRO:BARRO PRETO/ SÃO RAFAEL/CERAMARTE
LOCAL: ESCOLA SELMA
JUN 28
BAIRRO: INDUSTRIAL NORTE
LOCAL: ESCOLA PEDRO
JUL 26
BAIRRO: JARDIM HANTSCHEL
LOCAL: ESCOLA HENRIQUE
AGO 30
BAIRRO: CRUZEIRO
LOCAL: ESCOLA MARTA
SET 27
BAIRRO: PINHEIRINHO
LOCAL: ESCOLA CLAUDIO LONGEN
OUT 25
BAIRRO: VILA NOVA – IND. SUL
LOCAL: ESCOLA JORGE
NOV 29
BAIRRO: CAMPO LENÇOL
LOCAL: ESCOLA IRENE
DEZ 06
                       13
BAIRRO: CENTRO
LOCAL: ESCOLA MANOEL
Encerramento das atividades
BAIRRO: BELA VISTA
Local: CENTRO DE EXCELÊNCIA

Relatório de Avaliação do PME

A Comissão Técnica de Monitoramento e Acompanhamento do Plano Municipal de Educação entregou o Relatório de Avaliação do PME, referente ao ano de 2016, para a Secretária de Educação Darli Frota Tandalo e para o Prefeito, Júlio Ronconi.
A Comissão fez um trabalho de levantamento e análise dos indicadores de Educação solicitados pelo Ministério da Educação (MEC), com o objetivo de monitorar as metas do PME e suas estratégias.
Na próxima Quinta Feira, dia 07 de dezembro de 2017 às 19h00 no Auditório do IPRERIO, a Secretaria de Educação, por meio da Comissão Técnica, realizará Audiência Pública com o intuito de tornar público os resultados do monitoramento realizado. Toda a comunidade está convidada a participar da Audiência. O Plano Municipal de Educação está disponível para consulta no Blog da Secretaria de Educação por meio do link: https://goo.gl/forms/jKRyjDp7wV9yXt8Y2 Os interessados podem acessar o link e fazer sugestões de mudanças ou melhorias que, posteriormente, serão analisadas pela Comissão para futuros ajustes do Plano Municipal de Educação. Participe!


terça-feira, 28 de novembro de 2017

Alimentação Saudável é trabalhada com alunos da Rede Municipal

  Prevenir futuras doenças, como a diabetes e a hipertensão, entre as crianças e jovens é o objetivo de uma ação da Prefeitura de Rio Negrinho. Num trabalho feito em parceria entre as secretarias de Saúde e de Educação, teve início neste ano uma ação que foca a importância da alimentação saudável em todas as fases da vida, mas com especial ênfase até os 15 anos. O motivo foram dados alarmantes coletados junto à Rede Municipal de Ensino, que num levantamento feito junto a 4.047 alunos, mostrou que 31% deles apresentam sobrepeso, obesidade e obesidade grave.
Conforme a enfermeira Fabiana da Luz, coordenadora da Atenção Primária da Secretaria de Saúde, o trabalho foi desenvolvido pelo NASF (Núcleo de Apoio à Saúde da Família), que no início do ano letivo fez a pesagem dos alunos da Rede Municipal de Ensino do Ensino Fundamental, e os dados mostraram que há 663 alunos com sobrepeso, 487 considerados obesos, e 105 alunos que se enquadram como obesos graves. “Isso foi alarmante para nós”, ressaltou ela. “Algo precisava ser feito o quanto antes para conscientizar as famílias sobre este problema”.
Foi formada então uma equipe multidisciplinar com os profissionais do NASF que elaborou estratégias de ações. “Só a consulta com um nutricionista ou médico não resolve, é preciso trabalhar a conscientização”, explicou a enfermeira. Teve início então um trabalho com crianças, famílias e também a comunidade, além de profissionais das escolas. Nessa ação, uma nutricionista do Sesi começou dar uma oficina prática para as famílias sobre alimentação saudável e como utilizar itens que antes iam para o lixo, como cascas de legumes e frutas, para o preparo de pratos saudáveis. “Foi mostrado que não é necessário se gastar muito para se comer com qualidade. Que é possível se aproveitar alimentos e fazer ótimas refeições com baixo custo”, contou Fabiana.
A ação contou ainda com a parceria da Secretaria de Agricultura, que destinou frutas e legumes para as atividades práticas realizadas com as famílias. “Queremos que no próximo ano essas famílias sejam multiplicadoras desse conhecimento. Sabemos que este é um trabalho constante, que não vamos mudar de um dia para o outro”, ressaltou a coordenadora.
Para a secretária de Saúde Fátima Mendes Afonso, a medida visa atuar na medicina preventiva, evitando o surgimento de novas doenças e possibilitando maior qualidade de vida às pessoas. “Queremos evitar que as pessoas fiquem doentes. Hoje é muito mais econômico se investir na prevenção do que na medicina curativa depois. Não queremos que as pessoas tenham corpos que sejam considerados perfeitos, queremos que as pessoas tenham saúde”, frisou Fátima. O projeto é aberto a toda a comunidade e aqueles que tenham interesse em participar, podem procurar a Unidade de Saúde mais próxima e se cadastrar.




Prefeitura constrói muro de contenção em escola

  Após a construção de um ginásio de esportes na escola de educação básica Menino Jesus, no bairro Vila Nova, surgiu uma necessidade: a construção de um muro de contenção para evitar danos à estrutura do ginásio. Para isso, a Prefeitura de Rio Negrinho licitou a obra, orçada em R$ 72.446,97, e que deve ser concluída nas próximas semanas.
A obra foi acompanhada pelo prefeito Julio Ronconi, que conversou no local com funcionários da empresa SL Construtora, vencedora do processo licitatório para a realização da obra. “Este é um trabalho fundamental, que vai garantir a segurança das crianças e também da construção”, frisou o prefeito.

Durante a visita a escola, o prefeito também conversou com a diretora Ivonete Terezinha Bona, verificando quais as demais necessidades da unidade escolar. Para janeiro, será construída uma rampa para permitir a acessibilidade de estudantes portadores de necessidades especiais, além de ser elaborado um projeto para a construção de um refeitório na escola, já que o espaço que deveria servir para os alunos se alimentarem hoje abriga o laboratório de informática. “São obras necessárias para que possamos garantir cada vez mais qualidade à educação em Rio Negrinho”, observou Julio.




CURSO DE EDUCAÇÃO DO CAMPO E CMEI DONA BENTA NO DISTRITO DE VOLTA GRANDE

     O resgate cultural e histórico de uma comunidade perpetua tradições e constrói relações entre gerações; Foi na busca desta historicidade que a professora Doutora Soraya Franzoi Conde com sua equipe de profissionais e alunos do Pólo da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em Rio Negrinho, voltado a Educação do Campo, desenvolveu o projeto no Distrito de Volta Grande buscando valorizar a cultura existente neste distrito e em suas localidades. Em paralelo esse projeto acompanhou também em nosso Estado uma comunidade indígena, uma pesqueira isolada, uma comunidade quilombola. Sendo que nas devolutivas aos centros das pesquisas foram oportunizados dentro da análise da comunidade visitada dois projetos aprovados em Brasília que os pesquisadores da Universidade Federal de Santa Catarina apresentaram. Um que já foi efetivado numa Escola da Barra da Lagoa em Florianópolis e o segundo cujo resultado foi apresentado ontem pela Professora Doutora Soraia no CMEI Dona Benta em Rio Negrinho no Distrito de Volta Grande, cuja gestora Letícia Neppel Kirshbauer e sua equipe, junto com a especialista Cléa Medeiros da Secretaria Municipal de Educação, optaram pelo símbolo mais representativo de Rio Negrinho a Maria Fumaça, que será construído em madeira por um artesão da região e projetado por um pai da Unidade de Educação Infantil, requisitos básicos para a efetivação do Projeto, além do envolvimento da equipe de Educação Infantil que ontem em sua primeira etapa firmou acordo com a Professora Dra Soraia, que a efetivação do projeto irá iniciar em fevereiro de 2018.





quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Audiência Pública PME

O Plano Municipal de Educação de Rio Negrinho - PME – 2015/2024 – é o principal instrumento norteador da política Educacional do Município, foi construído e realinhado de forma democrática e participativa por meio de Assembleias, Conferência Municipal de Educação e Audiência Pública.
A Secretaria Municipal de Educação em 2014 constituiu comissão com a responsabilidade de sistematizar as contribuições realizadas nos momentos de diálogo e, a partir de seus resultados, dimensionar os desafios a serem enfrentados pelas instituições e sociedade civil organizada, envolvidas com a Educação. Para isso, a Comissão realizou uma análise criteriosa da situação da Educação do Município, fundamentada nas discussões e deliberações da Conferência Municipal e de sua participação nas Conferências Regional e Estadual de Educação, ocorridas em 2013. Também se fundamentou na legislação vigente e nos principais indicadores educacionais, demográficos e socioeconômicos do Município.
As conclusões obtidas, a partir dessa análise, contribuíram para uma visão global e sistêmica da Educação Municipal, possibilitando que fossem estabelecidas metas e estratégias voltadas às prioridades do Município de Rio Negrinho. Com necessidade de intervenção a curto, médio e longo prazo, estas metas têm como objetivo garantir o direito à Educação de qualidade para todos.
Em 2015, houve a necessidade de realinhar o Plano Municipal de Educação, devido à construção do Plano Nacional de Educação apresentado pelo MEC, que deveria servir como base para os Planos Municipais. Desta maneira, a Comissão instituída em 2014 para a elaboração do Plano foi novamente convocada para realizar as adequações necessárias ao Plano Municipal, de modo que ele se alinhasse às diretrizes do Plano Nacional sem, contudo, perder as especificidades do Município.
O Plano realinhado foi aprovado pela Câmera de Vereadores e sancionado pelo Executivo Municipal por meio da Lei nº 2.743 de 09 de junho de 2015.
A Comissão Permanente e a Comissão Técnica de Monitoramento e Acompanhamento são responsáveis pela verificação da execução e do desenvolvimento do Plano, devendo apresentar, a cada dois anos, os resultados parciais do cumprimento das metas e das estratégias nele estabelecidas.
Com vistas a dar a transparência exigida ao monitoramento do Plano Municipal de Educação, a Comissão Técnica convida a todos para a Audiência Pública de Monitoramento e Acompanhamento do Plano Municipal de Educação de Rio Negrinho, que será realizado no dia 07 de dezembro às 19h, no Auditório do IPRERIO e tem como objetivos: 1) apresentar os resultados dos principais indicadores relacionados às metas do Plano; 2) realizar a leitura das notas técnicas elaboradas pela Comissão para apresentar sugestões de alteração nos textos das metas e estratégias e adequar as ações do Plano às responsabilidades do município; e 3) dar oportunidade à população para contribuir com indicações sobre melhorias no Plano.
Para tanto, está disponibilizada por meio do link: https://goo.gl/forms/Z5GAOWEZQSvFgjUj1 com uma plataforma que ficará disponível on line para a leitura das metas e estratégias do Plano Municipal de Educação, onde, ao final de cada meta, o cidadão poderá realizar sugestões de alteração ou inclusão de estratégias. Após a Audiência as sugestões serão compiladas e apresentadas à Comissão Permanente de Monitoramento e Avaliação para verificação e inclusão das novas estratégias e dar seguimento aos procedimentos necessários. É importante ressaltar que antes de alguma sugestão ser incluída, ela deverá ser verificada de modo a se validar sua aceitação legal, suas condições técnicas e financeiras de ser executada, bem como passará por validação do Executivo Municipal e pela Câmara de Vereadores para ser aceita e inclusa no atual Plano Municipal de Educação.